• Carpes

Todos falam o mesmo mantra


Amanhã, 22/06, encerra-se a 64a edição do Cannes Lions ou Festival Internacional de Criatividade, local onde se concentram as maiores ideias do mundo desde 1954, realizado na cidade de mesmo nome, na Costa Azul, sul da França.

Os números do festival impressionam, pois são mais de 100 países participantes, somando 15 mil profissionais da comunicação. Mais de 400 jurados para avaliar o montante de 41.000 trabalhos distintos, distribuídos em peças de comunicação inscritas em 26 categorias. Não é à toa que o Leão de Cannes é considerado como o Oscar da comunicação.


Paralela à premiação ocorrem palestras, workshops, sessões de debates, exposições de cases, e uma série de eventos destinados para um público seleto. Um passe completo para participar deste grande evento custa maios ou menos 3 mil euros por pessoa! Fora o valor de inscrição das peças…

Todos os anos são debatidos painéis sobre inovação, igualdade de gênero, disrupção, internet das coisas, inteligência artificial, empreendedorismo e todos os assuntos da moda. Contudo, o sentimento que a Carpes identifica há muito tempo, confirma-se ano após ano com grandes nomes do mercado, brasileiro e internacional, palestrando a mesma coisa: “não existe sucesso sem trabalho”.

David Droga, fundador da Droga5, uma das maiores agências de comunicação do mundo, recebeu em 2017 o Leão de São Marcos, um prêmio especial, concedido por sua contribuição para a indústria criativa. Em 2018, David abriu a semana em uma palestra lotada para profissionais e estudantes falando que a melhor estratégia que sempre guiou suas metas foi a de acreditar visceralmente naquilo que estava fazendo.

No mesmo raciocínio, Sergio Gordilho, um dos maiores criativos brasileiros enfatizou em uma entrevista os 4T’s da comunicação: Trabalho, Talento, Tempo e Tesão. Segundo ele “a comunicação é um trabalho mais de formiguinhas do que de cigarras”. Para trabalhos sólidos, consistentes e consumidores engajados, é preciso muito trabalho. É preciso sair da zona de conforto. É preciso ter em mente que o melhor é possível. E é preciso saber que o bom é inimigo do ótimo.

Talento e tempo é uma simbiose onde um dependo do outro. Elaborar uma solução rápida e barata talvez não provoque o mesmo impacto de um planejamento embasado, que naturalmente, leva mais tempo. E o Tesão, ou vontade, orgulho, ou ter prazer naquilo em que você trabalha, faz toda a diferença. Ainda segundo Sergio “se não tem tesão, você não faz sucesso nem na cama, nem na profissão”.

Assim como David e o Sergio, aqui na Carpes repetimos incessantemente este mantra para nossos clientes. Se não houver trabalho, esforço ou vontade realmente de mudar, o projeto não avança. Fica estagnado.

A empresa personificada pelo seu fundador ou diretor, precisa querer sair da zona de conforto e aceitar que o progresso se constrói com esforço. Por isso, dizemos que a Carpes não leva sucesso para as empresas. As empresas são responsáveis pelo seu sucesso. A Carpes auxilia no trajeto e comunica da melhor maneira possível.


Byron Andrew

Sócio da Carpes



Carpes

Design e Gestão de Marcas

O melhor é possível

0 visualização
Design e gestão de marcas

O melhor é possível

ola@carpesdesign.com | 51 3907 8400

  • Facebook Carpes
  • Instagram Carpes
  • LinkedIn Carpes
  • Behance Carpes