• Carpes

Bastidores da criação: naming Peccatus



Qual era o desafio do projeto?

Dois empresários entraram em contato com a Carpes para contratar a criação de naming e desenvolvimento de identidade visual, após serem informados que a rede na qual mantinham uma franquia de alimentação saudável, havia solicitado o fechamento da unidade, localizada em um grande shopping porto-alegrense. O movimento da franqueadora fazia parte de um projeto para voltar a ter seus restaurantes próprios, sem a intervenção de franqueados.


O restaurante, para os dois empreendedores aqui em questão, foi um grande empreendimento que possibilitou aquisição de experiência, contato com fornecedores do ramo alimentício e o mais importante: sabiam o que o consumidor gostava! Os pratos saudáveis da franqueadora eram fechados, sem possibilidade de adição de condimentos (maionese, mostarda ou ketchup) muito menos refrigerantes e outras bebidas não naturais para manter a unidade dos pratos em todas as lojas da rede.


Porém, o consumidor, mesmo sabendo que estava em um restaurante de comida saudável, solicitava eventualmente algum dos itens proibidos. Por isso, os empreendedores queriam manter seu estabelecimento mas, possibilitando que seus clientes pudessem ter livre-arbítrio e escolha na hora da refeição.


Por onde passaram as pesquisas?

Nossa equipe entende que o primeiro passo, para qualquer projeto, é investigar o que o mercado está fazendo para direcionar a criação justamente para o lado oposto. Depois observar redes de restaurantes, fast-food e grandes marcas de alimentos, industrializadas e naturais, percebemos que o posicionamento do mercado era cindido entre “boa alimentação” e “má alimentação”, sem flexibilização ou meio termo entre saudável e gostoso ao mesmo tempo.


O padrão gostoso, no imaginário das pessoas, é geralmente calórico e não nutritivo, e o saudável (por mais que a indústria se esforçasse) não parecia ser “tão” saboroso assim.

Utilizamos o mind mapping, para organizar as ideias, e uma lista de palavras com relações entre “escolha” x “preferência” x “liberdade”, somado aos seus radicais gregos, latinos, suas etimologias, usos, antônimos e sinônimos.


Como a solução apareceu?

As palavras “escolha” e “liberdade” remeteram ao livre-arbítrio (condição humana que possibilita a seleção em função da própria vontade, isenta de qualquer condicionamento externo, motivo ou causa determinada). Logo a conexão entre liberdade x imposição trouxe à tona as grandes dualidades humanas como bem x mal, céu x inferno, virtudes x pecados (o grande achado criativo!).


Mitologicamente vimos que os “pecados” (atos humanos praticados sem o consentimento dos deuses) relatados nas grandes histórias, foram os responsáveis pelo poder de discernimento, consciência e escolha.


Como foi o resultado?

O naming PECCATUS – Comida Funcional brinca justamente com esse “poder humano” de ser responsável pelos seus atos. Colocar maionese no sanduíche ou açúcar no suco natural não é proibido por lei. Comer saudavelmente com adição de pequenos pecados é uma escolha individual que todo mundo tem direito de optar.


Você pode conferir o restante desse trabalho, a parte de Identidade Visual aqui:

IDENTIDADE VISUAL


Palavra do cliente: "Ficamos surpreendidos pela criatividade e pelas ideias apresentadas, o trabalho superou em muito nossas expectativas.''
Cristina Beatrice - Sócia

Carpes

Design e Gestão de Marcas

O melhor é possível


0 visualização
Design e gestão de marcas

O melhor é possível

ola@carpesdesign.com | 51 3907 8400

  • Facebook Carpes
  • Instagram Carpes
  • LinkedIn Carpes
  • Behance Carpes